ATIVIDADE FÍSICA x CORONA VÍRUS (COVID-19)

ATIVIDADE FÍSICA x CORONA VÍRUS (COVID-19)

Devido à pandemia ocasionada pelo CORONA VÍRUS (COVID-19) estamos enfrentando uma situação de QUARENTENA que afetou toda a estrutura social. Neste momento é imprescindível que todos tomem as medidas necessárias para que a saúde de todos seja preservada. Quem é ATIVO e segue um programa de treinos deve estar com muitas dúvidas.  Por isso a EVOLVE fez um breve resumo das principais recomendações sobre atividade física neste período.

RECOMENDAÇÕES

Evitar contato social e respeitar as normas da quarentena

Parece inofensivo ir até a praça da esquina fazer umas barras, ou nadar na piscina do prédio, mas locais de uso comum são fontes de contaminação. Mesmo se você não for do grupo de risco, se for infectado será no mínimo responsável pela disseminação do vírus e consequentemente pela sobrecarga do sistema de saúde (público e privado) causando mortes que poderiam ser evitadas. Se você tem uma piscina em casa faça seus treinos, mas cuidado com a INTENSIDADE. Treinos mais intensos podem baixar a imunidade temporariamente, abrindo portas para outros vírus, o que poderia agravar uma situação de contaminação pelo CORONA VÍRUS (COVID-19., ou ocasionar uma ida evitável ao hospital

Opte por exercícios moderados e em casa

Nosso alunos EVOLVE receberam 3 semanas de planilhas de treino funcional adaptado, predominantemente com exercícios de peso corporal para que possam, mesmo sem piscina ou outros equipamentos, continuar ativos, mantendo a saúde física e mental em dia.

Segurança em primeiro lugar

Já sabemos que o sistema de saúde vai colapsar devido à pandemia, então este é o pior momento possível para se LESIONAR. Se você se acidentar em casa com certeza não terá o atendimento que precisa, seja em qualquer rede de saúde. Por isso faça tudo com muito cuidado! Uma boa ATIVAÇÃO antes dos exercícios é essencial para prevenção de LESÕES. Foco também na FLEXIBILIDADE, que é um grande indicador de qualidade de vida, e com a restrição de circulação devido a  QUARENTENA pode ficar prejudicada.

POSTAGEM SUGERIDA: 13 ALONGAMENTOS PARA NADADORES

Foco na manutenção

Estudos mostram que existe um “condicionamento residual”. Isso quer dizer que mesmo sem treinar, nós não perdemos as adaptações benéficas dos exercícios tão rápido como imaginamos. Quando se fala em condicionamento AERÓBIO é estimado que após 4 semanas sem treino sua CAPACIDADE AERÓBIA ainda estará em 75% do que era ao parar as sessões, e após 8 semanas ainda estará superior a 50%. Daí para frente a queda é bem mais rápida, mas com pequenos estímulos de manutenção podemos manter esse condicionamento por muito mais tempo. O ideal para essa manutenção são os HIITs, mas a recomendação é que não devem ser feitos todos os dias devido a possível baixa na imunidade.

POSTAGEM SUGERIDA: TREINAMENTO INTERVALADO DE ALTA INTENSIDADE

Respeitem as normas de saúde coletiva. Neste momento, a saúde de cada um é responsabilidade de todos. 

 

FONTES

PARA ENTENDER MAIS SOBRE A PANDEMIA (OMS)

Atletas profissionais e amadores devem evitar práticas em condições extremas pois são afetados por estado transitório de imunodepressão. (JORNAL DA USP)

Como abordar a prática esportiva durante a crise Covid-19? (FOLHA)

 

 

Sua opinião é muito importante para nós. Obrigado

Seguir

Acompanhe nossas postagens

%d blogueiros gostam disto: