O QUE COMER ANTES DE COMPETIÇÃO?

O QUE COMER ANTES DE COMPETIÇÃO?

Não é segredo para ninguém que a performance de um atleta pode ser afetada pela dieta, mas quando pensamos na última refeição antes de uma COMPETIÇÃO, seja uma prova de NATAÇÃO, MARATONA AQUÁTICA, AQUATHLON ou TRIATHLON, devemos tomar alguns cuidados.

Os objetivos da alimentação pré-competição são:

  • Prevenir fraquezas e fadiga, seja devido ao baixo nível de açúcar no sangue ou a estoques de glicogênio muscular inadequados durante a competição,
  • Repelir sensações de fome e ainda minimizar dores gastrointestinais, e
  • Garantir hidratação adequada.

Seguem algumas sugestões para refeições pré-competição:
Comentário do ACSM – Colégio Americano de Medicina Esportiva

Eventos Matinais:
Na noite anterior, alimente-se com refeições a base de carboidratos. Durante a manhã, faça uma refeição leve, ou lanches: cereais com leite desnatado, frutas frescas ou sucos, torradas, pães ou bolos leves, panquecas, iogurte desnatado ou com baixo nível de gorduras ou uma bebida isotônica.

Eventos Vespertinos:
Faça refeições com altos teores de carboidrato tanto na noite anterior como na manhã da competição. No almoço, faça uma refeição leve: saladas com molho de baixa gordura, sanduíche de peru com pequenas porções de peru, frutas, sucos, bolachas salgadas com pouca gordura, barras de cereais ricas em carboidratos, bolos de arroz.

Eventos Noturnos:
No café da manhã e no almoço, alimente-se com refeições ricas em carboidratos, seguidas por refeições ou lanches leves: massas com molho à marinara, arroz com legumes, pizzas de queijos leves com legumes, sopas com torradas, batata assada, iogurtes.

Curiosidades

Nenhuma comida ou grupo de comida funciona para todos; pode ser preciso experimentar para encontrar os tipos de alimentos e as quantidades que proporcionem um bom desempenho. As escolhas podem variar de acordo com o tipo, a intensidade e a duração dos exercícios. No entanto, é importante experimentar novos tipos de comidas durante o treinamento ao invés de fazê-lo perto das datas de competições.

Se uma pessoa acredita que o consumo de determinado alimento vai melhorar sua performance, então o efeito psicológico resultante do consumo daquele alimento pode realmente implicar numa melhora da performance. O conhecido efeito placebo também foi encontrado em pesquisas envolvendo suplementação nutricional e performance esportiva.

Essas e outras dicas você pode encontrar em nosso BLOG.

Abraço e Bons Treinos!

Deixe uma resposta

Seguir

Acompanhe nossas noticias

%d blogueiros gostam disto: