QUAIS GRUPOS MUSCULARES A NATAÇÃO TRABALHA?

QUAIS GRUPOS MUSCULARES A NATAÇÃO TRABALHA?

Existe uma frase que todo nadador já escutou:

“A NATAÇÃO É O ESPORTE MAIS COMPLETO, POIS TRABALHA TODO O CORPO”

É verdade que a natação trabalha todo o corpo, mas é difícil afirmar que seja o esporte mais completo. Será que o pessoal da GINÁSTICA ARTÍSTICA, DECATLO ou ESQUI DE CROSS-COUNTRY concordam com isso? Provavelmente não, mas isso é conversa para outra postagem.

A NATAÇÃO é uma modalidade que trabalha praticamente todo o corpo. O fato de estar no meio líquido exige muito esforço do CORE para manter a posição do corpo e a movimentação dos membros. Todos os nados trabalham o corpo de maneira geral, mas com diferentes predominâncias:

BORBOLETA – A musculatura do Trapézio e Peitoral são extremamente exigidas, além do Quadríceps e Posteriores da Coxa que ajudam muito na propulsão. A musculatura Dorsal e Abdominal é fundamental para os movimentos de ONDULAÇÃO.

COSTAS – Trabalha muito a musculatura do tronco, de maneira bem equilibrada. Grande dorsal, Romboide e Ombros são bem solicitados por conta da posição da braçada e da ROTAÇÃO DE TRONCO. Nas pernas o Quadríceps e Posteriores de Coxa se sobressaem.

PEITO – Tem predominância do trabalho de PERNAS, sendo o único nado que depende mais das PERNAS do que dos BRAÇOS para gerar e manter a velocidade. Trabalha principalmente a musculatura do Quadríceps, Adutores e Tibial anterior.

CRAWL – Tríceps é muito recrutado, mas quanto maior o nível TÉCNICO maior a solicitação do Grande dorsal, e Bíceps Braquial. Para manter o corpo estável na superfície da água os Glúteos são fortemente solicitados.

A garantia de um trabalho muscular equilibrado é a variabilidade de estilos durante o treino. Por isso sempre indicamos o MEDLEY para alunos que estão em busca de um bom desenvolvimento muscular.

DICA DO TREINADOR

É muito comum que os praticantes de MARATONA AQUÁTICA nadem somente CRAWL, e isso é um erro grave. Os maratonistas não precisam ser especialistas nos outros nados, mas devem conhecer os movimentos para poder fortalecer todos os grupos musculares, evitando LESÕES e fazendo um tipo de PREVENTIVO ao realizar movimentos diferentes.

Se você é daqueles que só nadam CRAWL, saiba que existem pesquisas que indicam que a mesma série feita toda de CRAWL tem um impacto fisiológico menor do que alternando CRAWL e COSTAS.

O nado BORBOLETA é a melhor forma de trabalhar FORÇA dentro da água para o nado CRAWL, devido às grandes semelhanças nas alavancas da braçada.

E o Nado PEITO por ter o padrão de movimento mais diferente de todos os nados é ótimo para SOLTAR depois de alguma série forte.

Seja qual for o seu objetivo a EVOLVE tem a solução. PLANILHAS PERSONALIZADAS, AVALIAÇÕES BIOMECÂNICAS, AVALIAÇÕES FISIOLÓGICAS.

Abraço e Bons treinos!

 

 

Deixe uma resposta

Seguir

Acompanhe nossas noticias

%d blogueiros gostam disto: